E sobre a arte de responder... II

À mesa...

Para o boneco que tinha na mão: "É mesmo parvalhão"

O pai olha com um olhar lancinante, a aguardar as desculpas. Ela nada.........

O pai "Teresa não achas que tens de dizer qualquer coisa?

Olha para mim, mexe-se na cadeira e nada.

Até que lhe saem umas desculpas meio entre dentes, mas logo de seguida:

"Eu disse pavilhão, papá, pavilhão pode dizer-se"

Eu "Então e o que é pavilhão Teresa?"

"Pavilhão? Pavilhão é uma abelha..................................." 

publicado por pipocateresa às 10:10 | comentar | favorito