Retalhos de uma semana atribulada...

Domingo

A Teresa acordou febril: 37,5º. Todos sabemos que não é febre. No entanto, ficámos algo preocupados pelo facto de estar com uma tosse persistente há particamente dois meses (a tosse piorava, melhorava, piorava, melhorava, mas não passava totalmente). Os meus pais e irmã tinham vindo passar o fim se semana e, assim que saíram, decidimos então ir ao Pediátrico. O nosso receio era que a febre fosse sinal de infeção. Chegámos lá e fomos atendidos com alguma rapidez. A médica auscultou-a e observou-a e achou que a febre não estava relacionada com a tosse. A tosse seria provavelmente alérgica e, por isso, receitou-lhe o singulair para tomar durante um mês e parar o xarope que estava a tomar. Referiu, no entanto, que se a febre se mantivesse até quarta era conveniente regressar.

 

Segunda

A Teresa acordou com 37,5º. Bem disposta, mas febril. Eu ia dar exame e o pai também... O que fazer? Como a febre não era alta, dei-lhe o benuron e levei-a ao infantário. Falei com a educadora, expliquei a situação e pedi para deixá-la lá durante o exame, sendo que a iria buscar assim que terminasse. Correu tudo bem, ela andou bem diposta e viemos para casa à hora de almoço. Entretanto, dormiu a sesta (já tinha almoçado no infantário) e quando acordou foi comigo para a consulta das 28 semanas no centro de saúde. Quando acordou não tinha febre. Na consulta portou-se super bem! À noite estava novamente com 37,5º de temperatura.

 

Terça

Acorda novamente com 37,5º. Entretanto, a tosse continuava presente. Fiquei em casa com ela. "Mamã isto já são as minhas férias!!". Para ela não estava dorente, estava de férias. Brincou e foi-se entretendo e eu fui corrigindo exames que bem precisava porque os prazos são muito apertados. Esteve sempre bem disposta. Depois na sesta febre novamente e antes de se deitar lá estava "ela" de volta.

 

Quarta

Acorda com 37,5º. A tosse continuava. Foi dia da cidade e, por isso, fiquei com ela em casa. Ao final da tarde e depois de ter tido novamente febre depois da sesta, decidimos ir ao Pediátrico. Desta vez, deram-lhe senha verde (no domingo tinha tido amarela.... faz todo o sentido...). A primeira coisa a fazer doi despistar a possibilidade de infeção urinária. Fez xixi a primeira vez sem dificuldades. Ficámos a aguardar os resultados da análise. Só nos chamavam se fosse postivo. "Teresa Dimas Pereira Rocha". Pronto, tem uma infeção urinária...... Fomos fazer a contra-análise. Desta vez foi mais difícil fazer o xixi porque a vontade não era nenhuma. Lá foi bebendo uma garrafa de água. A enfermeira desinfetou-a e sentei-a para fazer xixi. Quis fazer cocó... Processo reiniciado. Desinfeção, e novamente sentar para fazer xixi. Ao fim de meia hora lá fez umas gotas. Voltámos para a sala de espera. Fomos, entretanto, chamados pela médica. Observou-a e aos auscultá-la referiu que lhe parecia ouvir qualquer coisa. Disse que iríamos aguardar os resultados da urina e, entretanto, no caso de serem negativos, faríamos um RX. Como os resultados nunca mais vinham (entretanto vieram e eram negativos) a médica decidiu fazer o Rx. Tirar a "fotografia aos pulmões" foi o pai com ela, porque eu não podia entrar na sala. Passado meia hora chamaram-nos. Diagnóstico "início de pneumonia do lado esquerdo"... Fiquei siderada. A médica tentou tranquilizar-me mas, de facto, não estava mesmo nada à espera daquele diagnóstico. Receitou antibiótico e marcou uma consulta para dia 18 para analisar novamente a situação. Chegámos a casa à meia-noite, cansados e com o coração do tamanho de uma ervilha.

 

Quinta

8.30, 37,5º. Eu tinha exame às 11. Só tinha um aluno porque era uma reposição do exame de segunda. Levei-a comigo. Foi a loucura. Levei o leitor de dvd e ficou entretida uma hora mais ou menos. Entretanto, quis desenhar no quadro... Lá desenhou. Mas portou-se muito bem, esteve quase sempre caladinha e falou sempre baixinho.

Sexta

Finalmente a febre passou. Tive um dia de defesas de projetos finais de curso das 9 às 18.00 e foi um alívio sair de casa às 8 sabendo que não tinha febre. A odisseia parece que terminou. Tem estado progressivamente melhor e mesmo a tosse está a melhorar bastante.

publicado por pipocateresa às 16:52 | comentar | favorito