Gosto-vos

Depois de jantar.

Enroscado no meu colo, ouves músicas no youtube. Ouves as canções da anita, como um dia a tua irmã ouviu.

Gosto-te.

Sentir o quentinho do teu corpo pequenito.

Ali.

Não há hoje, nem ontem, nem amanhã. Apenas tu.

E a mana.

Sentada ao nosso lado, encostada ao meu ombro.

Gosto-vos.

Tanto, tanto, tanto, que às vezes dói.

publicado por pipocateresa às 22:35 | comentar | favorito