10
Set 12

38 semanas

38 semanas... O tempo passa e cada vez estou mais perto de conhecer o pequeno J.

Hoje acordei com dores "menstruais", aqueles dores que se sentem ao fundo da barriga. Este é o primeiro sinal que recebo de que algo está para acontecer. lol Amanhã tenho um exame para dar, mas já não vou sozinha. O H. vai levar-me, ficará à minha espera, e depois traz-me para Coimbra onde me irá deixar na maternidade para consulta. Desta vez irei às urgências porque a minha médica não está. Ainda não fiz a mala........ A ver se faço hoje.

 

E hoje também é o primeiro dia de escola da teresa. Na última semana esteve de férias na praia com a avó e as tias. Chegou ontem ao final do dia, muito "abananada"... A dizer que vai continuar as férias, desta vez em casa... Era férias o ano inteiro, pois então. Quem a irá levar é o pai para ver se corre melhor. Vamos lá ver.

 

O fatinho que está na imagem será o primeiro do João. Ontem estava a ver as fotos da Teresa (estou a organizar um album de fotos) e reparei que quando acordou vinha arranhada (com quase 41 semanas até já as unhas são grandes). De repente deu-me um clique: ainda não comprei a tesoura e o pente para o J...

 

publicado por pipocateresa às 07:20 | comentar | ver comentários (3) | favorito
29
Ago 12

Atualizações

4 semanas de férias têm como resultado: blog muito desatualizado... 

Cá estou eu numa tentativa de colocar algumas novidades em dia.

 

Primeiro as férias. Ótimas! No Algarve foram 3 semanas. Primeiro no barlavento, depois no sotavento. Praia e piscina todos os dias (e que saudades da leveza que se sente dentro de água......). Passeios tranquilos à noite e algumas caminhadas. Muitos grelhados acompanhados pelos tomates desta altura que adoro. E brincar muito com a Teresa. E contar histórias sem pressas. E aproveitar a disponibilidade total para um tempo a 3. E receber (e retribuir) os mimos da família. A última semana foi a Norte, em casa da avó materna. Relaxar, ler, comida boa, caminhadas. E domingo regressámos. Já com muitas saudades de casa, confesso. E da minha cama, almofada, sofá, computador e essas coisas todas. 

 

Esta semana ainda não estamos a trabalhar (começamos os dois na segunda) mas agarrámos a tarefa hercúlea de preparar o quarto do João. Depois da mudança do escritório para o piso de cima, ficámos com o quarto vago. As mobílias foram compradas ainda em Julho, mas estão por montar. Entretanto, era preciso pintar as paredes de 2 duas cores (surprise...) e tratar do chão que estava com alguns problemas na zona onde estava uma das cadeiras da secretária. Entretanto, eu precisava de fazer os quadros para o quarto do João, tal como fiz para a Teresa. 

 

O quarto já preparado para receber as tintas...

 

 

Os quadros em processo de elaboração... 

 

 

 

As paredes e os quadros estão terminados. Amanhã mostro mais algumas fotos já com as novas versões (ainda não tirei às paredes pintadas).

 

Agora a gravidez. :) Estamos a chegar à reta final. Durante as férias correu tudo bem. Andei sempre bem disposta e com energia. Lá andei na praia a passear o barrigão. hehe. Em Julho já estava a começar a ter algumas queixas: umas dores no fundo da barriga, muitas dores nas virilhas, algum cansaço. Mas depois vieram as férias e tudo melhorou. :) 

Neste momento, às 36 semanas, começa a fazer-se sentir a fase em que estamos. Insónias (acordo cedo, muito cedo, e não consigo voltar a adormecer), algum cansaço, aquela sensação de andar à pinguim (eu bem me esforço por contornar a tendência). E levantar-me do sofá? lol Enfim, é tudo feito de uma forma limitada. E de repente a consicência que está mesmo aí... Quando já temos uma criança em casa, a gravidez é vivida com uma tranquilidade completamente diferente. Pensamos muito menos na gravidez, na situação em si, no bebé que aí vem. Mas agora tudo está a ganhar forma e desceu sobre mim a consciência de que está mesmo aí. E sim sinto-me feliz por ir conhecer o meu baby boy, mas a verdade é que também me começa a doer ligeiramente a barriga, porque desta vez sei ao que vou... Só de pensar em toques fico com insónias. lol

Já tive consulta na médica de família esta semana e estava tudo bem. Amanhã terei consulta na maternidade...

 

E esta semana vou atualizando a "construção" do quarto do meu baby boy. :)

publicado por pipocateresa às 21:21 | comentar | ver comentários (2) | favorito
22
Ago 12

Umas fotos

Em breve mais notícias...

 

34 semanas

 33 semanas

 

 

publicado por pipocateresa às 16:17 | comentar | ver comentários (5) | favorito
06
Ago 12

Imagens algarvias

A baía da Luz

A atiradora no seu biquini fashion (Praia D. Ana)

 

 

 

publicado por pipocateresa às 22:54 | comentar | ver comentários (4) | favorito
05
Ago 12

Notícias do sul

Cá estamos a sul, faz amanhã uma semana.

Este ano as férias começaram na praia da Luz e por cá estaremos até quinta. O tempo tem estado agradável. De facto, por aqui não faz muito calor e está sempre um ventinho que, às vezes é agardável, outras nem tanto... Agora a água, oh meu Deus, "cubinhos de gelo" autênticos. Não me lembro de um ano com a água tão fria. Ainda não consegui colocar a cabeça dentro de água.

 

A Teresa anda feliz da vida!! Praia e piscina, praia e piscina, praia e piscina. A praia é ao virar da esquina (literalmente) o que é uma opção ótima quando se tem crianças. Não há melhor. Na piscina desenrasca-se super bem com a bóia, uma delícia. Não se cala um minuto e as últimas expressões incluem frases como "como é óvio", "é assim a vida", "ah pois é".

 

Nós temos descansado, passeado bastante a pé, dormido umas belas sestas... Tenho-me sentido bem, com energia, ao contrário do que sentia nas últimas semanas de trabalho. O peixe assado e as grelhadas mistas também ajudam!! hehe Não há fotos porque não tenho o meu computador comigo, mas vou tentar colocar qualquer coisa na próxima semana.

 

O tempo passa, a data aproxima-se e às vezes dou por mim a pensar que parece que isto ainda não é verdade... A sério!! Nem acredito que daqui a um mês e picos já vou ter um carrapito nos braços... E já não me lembro de nada: como é o banho? e como se trata o umbigo? e mudar a fralda a um rapaz... num fiz tal coisa?? Lol Enfim... Claro que será tudo natural (mas ainda tenho que ver uns vídeos sobre respiração no parto... já nem me lembro de nada disso...).

:)

publicado por pipocateresa às 15:27 | comentar | ver comentários (3) | favorito
29
Jul 12

É um minuto...

publicado por pipocateresa às 22:09 | comentar | favorito
17
Jul 12

Momentos...

O calor hoje estava impossível por estas paragens.

Apenas depois do jantar foi possível passar agum tempo no terraço.

Apeteceu-me descer e dar uma volta ao quarteirão.

Fomos as duas, de mão dada, a conversar.

15 minutos.

O melhor momento do dia. Adoro os nossos momentos, as conversas, as brincadeiras.

E, agora, por vezes dou comigo a pensar que temos que manter estes nossos momentos depois do J. nascer.

 

E por vezes começo a ter aqueles receios "será que ela vai 'sentir-se'?", "será que vai gostar do irmão?"

"vão ser amigos?"...

publicado por pipocateresa às 23:32 | comentar | ver comentários (4) | favorito
10
Jul 12

Carochinha

..............."Gostava tanto de casar com o João Manuel!"............... 

 

(Foto tirada na Biblioteca Infantil da Casa Municipal da Cultura)

publicado por pipocateresa às 21:12 | comentar | ver comentários (3) | favorito
09
Jul 12

Este livro parece-me bem

publicado por pipocateresa às 18:09 | comentar | ver comentários (2) | favorito
08
Jul 12

Retalhos de uma semana atribulada...

Domingo

A Teresa acordou febril: 37,5º. Todos sabemos que não é febre. No entanto, ficámos algo preocupados pelo facto de estar com uma tosse persistente há particamente dois meses (a tosse piorava, melhorava, piorava, melhorava, mas não passava totalmente). Os meus pais e irmã tinham vindo passar o fim se semana e, assim que saíram, decidimos então ir ao Pediátrico. O nosso receio era que a febre fosse sinal de infeção. Chegámos lá e fomos atendidos com alguma rapidez. A médica auscultou-a e observou-a e achou que a febre não estava relacionada com a tosse. A tosse seria provavelmente alérgica e, por isso, receitou-lhe o singulair para tomar durante um mês e parar o xarope que estava a tomar. Referiu, no entanto, que se a febre se mantivesse até quarta era conveniente regressar.

 

Segunda

A Teresa acordou com 37,5º. Bem disposta, mas febril. Eu ia dar exame e o pai também... O que fazer? Como a febre não era alta, dei-lhe o benuron e levei-a ao infantário. Falei com a educadora, expliquei a situação e pedi para deixá-la lá durante o exame, sendo que a iria buscar assim que terminasse. Correu tudo bem, ela andou bem diposta e viemos para casa à hora de almoço. Entretanto, dormiu a sesta (já tinha almoçado no infantário) e quando acordou foi comigo para a consulta das 28 semanas no centro de saúde. Quando acordou não tinha febre. Na consulta portou-se super bem! À noite estava novamente com 37,5º de temperatura.

 

Terça

Acorda novamente com 37,5º. Entretanto, a tosse continuava presente. Fiquei em casa com ela. "Mamã isto já são as minhas férias!!". Para ela não estava dorente, estava de férias. Brincou e foi-se entretendo e eu fui corrigindo exames que bem precisava porque os prazos são muito apertados. Esteve sempre bem disposta. Depois na sesta febre novamente e antes de se deitar lá estava "ela" de volta.

 

Quarta

Acorda com 37,5º. A tosse continuava. Foi dia da cidade e, por isso, fiquei com ela em casa. Ao final da tarde e depois de ter tido novamente febre depois da sesta, decidimos ir ao Pediátrico. Desta vez, deram-lhe senha verde (no domingo tinha tido amarela.... faz todo o sentido...). A primeira coisa a fazer doi despistar a possibilidade de infeção urinária. Fez xixi a primeira vez sem dificuldades. Ficámos a aguardar os resultados da análise. Só nos chamavam se fosse postivo. "Teresa Dimas Pereira Rocha". Pronto, tem uma infeção urinária...... Fomos fazer a contra-análise. Desta vez foi mais difícil fazer o xixi porque a vontade não era nenhuma. Lá foi bebendo uma garrafa de água. A enfermeira desinfetou-a e sentei-a para fazer xixi. Quis fazer cocó... Processo reiniciado. Desinfeção, e novamente sentar para fazer xixi. Ao fim de meia hora lá fez umas gotas. Voltámos para a sala de espera. Fomos, entretanto, chamados pela médica. Observou-a e aos auscultá-la referiu que lhe parecia ouvir qualquer coisa. Disse que iríamos aguardar os resultados da urina e, entretanto, no caso de serem negativos, faríamos um RX. Como os resultados nunca mais vinham (entretanto vieram e eram negativos) a médica decidiu fazer o Rx. Tirar a "fotografia aos pulmões" foi o pai com ela, porque eu não podia entrar na sala. Passado meia hora chamaram-nos. Diagnóstico "início de pneumonia do lado esquerdo"... Fiquei siderada. A médica tentou tranquilizar-me mas, de facto, não estava mesmo nada à espera daquele diagnóstico. Receitou antibiótico e marcou uma consulta para dia 18 para analisar novamente a situação. Chegámos a casa à meia-noite, cansados e com o coração do tamanho de uma ervilha.

 

Quinta

8.30, 37,5º. Eu tinha exame às 11. Só tinha um aluno porque era uma reposição do exame de segunda. Levei-a comigo. Foi a loucura. Levei o leitor de dvd e ficou entretida uma hora mais ou menos. Entretanto, quis desenhar no quadro... Lá desenhou. Mas portou-se muito bem, esteve quase sempre caladinha e falou sempre baixinho.

Sexta

Finalmente a febre passou. Tive um dia de defesas de projetos finais de curso das 9 às 18.00 e foi um alívio sair de casa às 8 sabendo que não tinha febre. A odisseia parece que terminou. Tem estado progressivamente melhor e mesmo a tosse está a melhorar bastante.

publicado por pipocateresa às 16:52 | comentar | ver comentários (2) | favorito