01
Set 14

O nosso verão

Verão aqui por casa é sinal de férias. Férias alargadas porque, felizmente, conseguimos estar fora todo o mês de agosto. 

 

E como férias rima com Algarve...

 

10 dias num paraíso chamado Luz

 

 

 

 

quase 15 dias num paraíso chamado Ria Formosa

 

 

 

 

 

Férias é ter tempo para estar, para ficar demoradamente, para mimar, para sorrir e amar mais. É tempo de brincar, é tempo de nos preocuparmos apenas com o que vamos brincar a seguir, ou com o local do próximo passeio. Para nós é tempo de estar com a família alargada, com tias, primas e avós. 

Férias também é tempo de regressar. O regresso este ano faz-se com um certo receio do desconhecido, com o coração menos descansado, mas com a certeza de que tudo se irá resolver. Afinal sempre se resolve.

 

Estamos de volta. 

 

publicado por pipocateresa às 13:56 | comentar | ver comentários (2) | favorito
01
Set 13

Meu querido mês de Agosto...

Chegou ao fim o mês de agosto. O meu querido mês de agosto. Mês dos meus anos, mês do meu coração, mês das férias, mês do sol.

Mês em que há tempo para tudo e em que perdemos a noção do tempo. O mês em que enchemos o carro de areia da praia, em que enchemos os nossos dias de sol, em que damos mergulhos diários. Mês em que a minha única profissão é ser mãe (tão bom).

 

Com o mês de agosto, terminam também as férias… Confesso que cada vez me custa mais o regresso. Antes o regresso era feito de esperança e de expetativas positivas, de fazer coisas novas, de novas ideias. Agora, começamos com este sentimento de receio pelo que aí vem, porque sabemos que é quase certo que para melhor não vamos… 

 

Mas falemos agora de férias. Começámos a norte, mas rapidamente rumámos para sul. Foram 3 semanas de praia e piscina. Uma delícia. O João simplesmente adorou a praia, a areia, o mar, a piscina. Filhos de peixes, peixinhos são. A Teresa já se desenrasca muito bem, com braçadeiras. A água no sotavento esteve sempre nuns simpáticos 24º. Chegávamos à praia cedo (por volta das 9) e íamos logo para a beira-mar. O João andava por ali na beirinha da água a gatinhar e chapinhar e a Teresa aproveitava as piscinas naturais que surgem na maré vazia para dar uns mergulhos. Depois dávamos uns mergulhos a sério e regressávamos à toalha para a hora dos lanches (e da bola de berlim). Por vezes o João adormecia no carrinho, outras vezes brincava mais um bocado, e outras ficava resmungão com o sono… :) Às 11 regressávamos. À tarde, geralmente, aproveitávamos a pisicina. E o tempo que esteve??? Fantástico. 

 

Todos os dias estiveram excelentes. Passeámos algumas noites (mais quando estivemos na praia da Luz) e noutras descansámos um pouco, tentando repor energias dos dias intensos. Sim, porque a ideia de férias não casa muito com a ideia de descanso quando temos duas crianças pequenas (uma delas tão pequena como o João). Por vezes, conseguimos coincidir as sestas dos dois reguilas o que nos deu 1/2 horas de descanso. Mas confesso que não foram muitas vezes. A verdade é que geralmente leio 3 livros nas férias e este ano levei um e nunca o abri…… hehehe 

 

As doenças estiveram longe da nossa porta. Apenas a Teresa teve uma tosse chata, mas mais nada. O João com o que correu no chão, "nadou", etc., nuca teve nada. E o que ele gatinha??? A uma velocidade estonteante!! Quer abrir gavetas, portas, no dia em que chegámos a casa, entrou na cozinha e num segundo arrancou uma flor dum vaso (sim, uma flor dum vaso)…

 

E amanhã recomeçamos… Quando são mesmo as próximas férias???

 

 

publicado por pipocateresa às 22:15 | comentar | ver comentários (3) | favorito
07
Jul 13

E quando o Calor chega

O Verão tardou a chegar.

Desesperámos. Pedimos rua. Pedimos sol. Pedimos calor. Pedimos noites de verão. Pedimos gelados e melância. E sardinhas. E roupa fresca. E pernas de fora. E braços gorduchos ao léu. 

E o Verão chegou.

E os corpos andam nus (ou quase) (não dá de outra maneira).  E comemos melância como ontem comíamos cerejas. E gelados. Mas... Continuamos a pedir rua...............  Porque rua só mesmo à noite. 

 

E porque nos temos que entreter em casa, decidimos comprar uma fonte de frescura. :)

Hoje fez as delícias, primeio de D. Teresa que por lá andou uma hora, e depois de Don Juanito que quando acordou da segunda sesta do dia (é o calor...) foi experimentar piscina pela primeira vez.

A ver pela reação, temos (mais um) peixe!!! :)

 

 

publicado por pipocateresa às 22:20 | comentar | ver comentários (4) | favorito
28
Ago 11

E Agosto tem sido assim...

As férias chegaram ao fim...

E foram tão boas!!!!!

 

Este foi a gargalhada que nos encheu a alma todos os dias deste mês. Esteve sempre bem disposta a minha princesa. Andámos todo o mês de mala às costas e ela adorou! Trata a água e a areia por tu e cá me parece que poderia viver assim o resto do ano... lol

 

A comprovar o amor pela água...

 

 

E durante 10 dias este foi o nosso amanhacer...

 

 

 

E este mês cresceu como não me lembro de crescer. Sandálias que deixaram de servir, calças que são agora calções, saias que passaram a mini-saias... E as conversas que faz... e o perigo que é conversar ao pé dela porque está sempre a captar e depois, claro, reproduz.... Meu Deus e o quanto fala.... Uma coisa impressionante, não se cala um segundo... E isto e aquilo e o outro!!!!

 

E este mês apaixonou-se por puzzles. Já tinha alguns, mas de poucas peças. Agora passou para os puzzles de 12 e de 16 peças. Com mais de 24 peças também faz mas com ajuda. É das actividades que a prende durante mais tempo. Ontem começou também a andar de bicicelta com rodinhas. Ainda só pedala com o pé direito mas já faz mais do que fazia com o triciclo que nunca chegou a conseguir mover sozinha do chão...

 

E assim cresce a nossa princesa........

 

 

 

 

publicado por pipocateresa às 15:09 | comentar | ver comentários (4) | favorito
07
Ago 11

Sobre as férias... I

As férias começaram a Norte.

O tempo esteve frio e tristonho 

Mas nós estivemos alegres, entre brincadeiras na relva, mil mimos, puzzles, cozinhas de brincar e a sério e mil histórias

porque ter tempo é uma coisa deliciosa

 

E a avó

E a prima F.

E a tia Z. e o tio L.

E mais mimos

 

E ainda houve tempo para uma lavagem de carro a 6 mãos :)

E já, já, rumamos a sul................ Praia wait for us!!!!!!

publicado por pipocateresa às 14:39 | comentar | ver comentários (1) | favorito
30
Mar 11

Very good moments...

publicado por pipocateresa às 14:03 | comentar | ver comentários (2) | favorito
29
Ago 10

Zoo de Montemor e balanço

E hoje para terminar as férias demos um belo passeio: Zoo de Montemor. Vale muito, mesmo muito a pena. É enorme e tem imensos animais, desde macacos, a cangurus, a tigres, e zebras, araras, cisnes e bambis... E estão todos muito bem cuidados. O percurso completo demorou 2 horas e, no final, já estávamos a acelerar. A Teresa adorou o passeio, pulou e saltou. Com toda a excitação ainda caiu e esfolou o joelho, com direito a uma feridinha e tudo.

E com este último passeio chegam ao fim as férias... É mesmo verdade!

 

E amanhã a Teresa que chega ao infantário é, sem dúvida, uma menina mais crescida (e mais mimada........ ainda........). Cresceu imenso a minha princesa nestas 5 semanas.

- O xixi e o cocó já são no bacio e à noite já não há fraldas.

- O vocabulário sofreu um enoooooorme boom. De repente, passou a dizer "tudo". Percebe muito bem o que lhe dizemos e tem pequenas conversas. Conjuga os verbos, utiliza o "eu" quando se refere a ela (antes dizia sempre a teresa isto e a teresa aquilo, continua a dizer também, mas também diz eu isto e eu aquilo) e aplica o feminino e o masculino. Diz "eu conxigo", ou "eu xei". Tem saídos do melhor que há, como no outro dia em que estávamos as 2 no centro comercial e entrei numa loja de roupa, para ir buscar o catálogo da nova estação. Entretanto, vi um vestido giro e parei, toquei nele e vira-se a piqui e diz alto "mamã, não mexe!!!". A empregada fartou-se de rir. Ou por exemplo, na fila do continente vira-se para mim e diz "mamã, deixa paxar a senhoia", lol, e eu oh teresa nós estamos na fila, "oh mamã a senhoia quei paxai".

- Tem um humor do melhor que há e é muito gozona. Agora anda com o vício de gozar com as músicas. Por exemplo, o olha a bola manel, como percebe que a música é triste porque a bola foge e o manel fica sem ela, canta-o a arrastar a voz como um murmúrio, como se estivesse a lamuriar. Com o caracol caracolinho é a mesma coisa. Agora anda com o vício de me chamar "momo" e depois ri-se que nem uma perdida. E no outro dia descobriu, sozinha, como se faz figas (onde é que foi buscar isto????) e mostrava-nos os dedos cruzados e ria, ria, e nós também, pois então, com a palhaça de serviço.

- É muito empática. Se vê alguém chorar fica aflita e se um de nós se ri ela também se ri.

- Já conseguimos negociar com ela. Por exemplo, "a Teresa vai papar uvas, mas primeiro vamos comer a xixa toda, pode ser?" e ela come a carne e depois vira-se "agora as uvas poi xer?". Vamos passear mas primeiro vamos arrumar os brinquedos, etc, etc.

- Continua a adorar música, de grandes e de pequenos. Vê um clip de música até ao fim e depois de o ouvir uma/duas vezes já acompanha a música. As dela apanha as letras num ápice salta de música em música, acompanhando sempre a mudança na sonoridade (bate a mamã aos pontos). Delicio-me com ela aos pulos a dizer "beijos, beijos de quimó". lol

- A brincadeira do momento é pintar. Adora!

- Gosta de livros, sobretudo se tiverem animais.

- Quer fazer tudo sozinha, o que enfim, às vezes é assim meio aborrecido...

 

Está assim a nossa menina. E há sempre tanto para contar que assim que publico um post lembro-me do tudo o que me faltou dizer. :)

Quase a fazer 2 anos...

 

E amanhã...... veremos.....

publicado por pipocateresa às 21:42 | comentar | ver comentários (4) | favorito
27
Ago 10

Portugal dos Pequenitos: o regresso

Adorei regressar ao sítio onde me apaixonei por Coimbra. Tinha 10 anos (mais coisa menos coisa) e fui com os meus pais e irmãs ao sítio que enchia os nossos sonhos (já lá tinha ido com 6, mas lembrava-me de poucas coisas). Gostámos imenso mas o que me deixou mesmo estarrecida foi a vista sobre Coimbra. Sei que a partir daí nunca mais esqueci aquela vista, e sempre disse que Coimbra era a cidade onde queria morar e aqui estou.

 

A Teresa adorou o nosso passeio. No início ainda não estava encantada e o que a atraiu mais foram estas frutas gigantes e não as coisas pequeninas.

 

 

Entretanto, quando entrámos na parte das casinhas, foi a loucura!!!!!! Entrava e saia, abria e fechava portas, subia e descia escadas e "já vi eta" e "vamo aqueia" e não parava.

 

E depois, já perto do fim, descobriu uma mini fonte na parte da universidade (a que mais gostei, e a sala dos capelos tão linda!!!!) e o difícil mesmo foi convencê-la a sair de lá. Sim, porque, de repente, já molhava pernas e tudo.

 

E com este passeio chegamos ao meu último dia de férias... Agora férias, férias, só daqui a um ano. Entretanto, há que gozar os feriados e fins de semana. Sim porque adoro começar a trabalhar já a pensar onde vou a seguir... hihihi

:)

publicado por pipocateresa às 13:46 | comentar | ver comentários (3) | favorito
23
Ago 10

Agora a 2, no feminino

Agora somos duas. O papá regressou hoje ao trabalho, mas fez-nos companhia ao almoço. Trabalhar onde se vive tem destas vantagens (infelizmente não posso dizer o mesmo).

 

Eu só começo para a semana.

 

Fomos passear as duas e foi bom!! Muito bom!

 

Nos últimos dias de férias os passeios continuaram. Fomos às piscinas naturais da Serra da Lousã, fomos a Fátima, a São Pedro do Moel (a voltar, sem dúvida, para um fim-de-semana tranquilo).

 

Passeio é música para os ouvidos da mais pequena e estou para ver quando perceber que a escola existe, é real, e volta já para a semana...

:)

publicado por pipocateresa às 13:59 | comentar | ver comentários (3) | favorito
18
Ago 10

Teza faz, Teza conxega

Aqui em casa tudo é "teza faz mamã". Vamos vestir Teresa?, "xim mamã, teza vete". Teresa vamos papar, "teza dá mamã, teza dá". Limpar o rabinho "teza conxegue, teza conxegue". Só em último caso, ouvimos um "ajuda".

 

Pois hoje a "teza faz, teza conxegue" subiu as escadas todas do quebra-costas. No início da rampa, para quem conhece no arco almedina, peguei nela ao colo e ela logo "chão mamã chão". O pai vira-se e diz "deixa-a ir para o chão que ela já se cansa"................... Hmmm, pois não, não se cansou. Foi escada a escada até lá acima, bufava que se fartava, mas toca de subir degrau a degrau, com as mãos na escada claro.

 

(enquanto escrevo este post, está ali a tentar vestir umas cuecas, já cansada pede ajuda, mas não deixa ajudar e por fim consegue vestir uma perna das cuecas...)

 

publicado por pipocateresa às 15:49 | comentar | ver comentários (3) | favorito