Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog da Pipoca Teresa e do Piglet João

O que aqui deixo são bocadinhos de nós. Momentos, sorrisos, lágrimas. A vida na sua essência. O que aqui deixo são bocadinhos de vocês. São momentos que quero escrever para não esquecer. O que aqui deixo, deixo para nos/vos tornar eternos.

Blog da Pipoca Teresa e do Piglet João

O que aqui deixo são bocadinhos de nós. Momentos, sorrisos, lágrimas. A vida na sua essência. O que aqui deixo são bocadinhos de vocês. São momentos que quero escrever para não esquecer. O que aqui deixo, deixo para nos/vos tornar eternos.

20 meses

pipocateresa, 10.06.10

O post chega com atraso, mas não queria deixar de registar os 20 meses da pipoquinha. Está tão linda!! Todos os dias surge com alguma novidade. Este foi um mês de grande desenvolvimento, muitas palavras, início do bacio, alguma independência nas brincadeiras. Mas sobretudo foi o mês de começar a cantar sozinha as músicas de que ela tanto gosta: agora é ela que começa as músicas e praticamente canta até ao fim, aldrabando algumas palavras é certo, mas sempre sem sair do tom. As preferidas são o autocarro, o balão do joão, o atirei o pau ao gato, o sapo. Por exemplo, o sapo canta-o assim "Xapo, xapo, xapo, .... beia ..io, ... xapo canta, poque fio, a ona xapinha ... dento, a ... endinhas ... pa o caxamento". Tenho que gravar e colocar uma aqui porque é hilariante!!!!

 

Adora chegar ao final do dia e ir para o terraço. Vai buscar o chapéu e diz "xima", "xima", porque nós temos a ligação ao terraço dentro de casa, mais precisamente na cozinha. Brinca imenso na rua e com coisas simples, como molas e vassouras. Gosta muito de andar na rua e de passear. 

 

Este fim de semana foi a benção das pastas da tia e fomos almoçar ao restaurante. Comeu em casa, dormiu e depois de acordar é que fomos (ela come cedo e a benção termina tarde). Levei brinquedos, livros e folhas para pintar, mas como calculava não ficou sentada 15 minutos. Andou sempre em pé, deitou-se inclusivamente no chão do restaurante, não porque tivesse sono, mas porque é o que gosta de fazer em casa, e a minha filha parece aqueles meninos selvagens que não se sabem comportar fora de casa. lol. Porta-se bem, isto é, não chora nem berra, mas andamos sempre atrás dela...   

 

É muito mimoca, adora "coio", e sempre que eu ou o pai ralhamos com ela, é vê-la de mãos levantadas a pedir "coio" e só acalma com a chupeta na boca. Já diz "escupa" quando peço para pedir desculpa.

 

É um doce e tem um sorriso brilhante que enche a alma!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.